Quem sou eu

Minha foto
Tia Kátia, Casada com Denis Carlos Geraldo (obreiro sonoplasta). Cartorária, Ministra há 23 anos ao Depto Infantil, Vice Coord. do Depto. Infantil AD - Min. Belem - Setor 28, Bel. em Teologia pela Fac. Teológica - Min. Porta da Vida, com Diploma em Modulos de Psicologia Infantil pela Faculdade Betel, formada pelo PAVI (Preparando Adolescentes para a Vida) e CEAMI (Curso de Evangelismo e Aperfeiçoamento do Ministério Infantil), da aulas para o Jardim da Infância (E.B.D.), toca Clarinete, realiza Eventos Anuais da Igreja, da palestras para Líderes de Crianças e Adolescentes, apresenta fantoches, jograis e peças teatrais, esteve a na regência de vários conjuntos da igreja (crianças, adolscentes, circulo de oração) realiza casamentos Religioso c/ Efeito Civil bem como a organização do buffet e decoração, também as entradas e as sequências de músicas.... Entre tudo Meu Maior Prazer Está em Ministrar a Palavra de Deus para Crianças e Adolescentes...Esse é o real chamado que Deus tem em minha Vida, e tem sido a razão do meu existir... Obrigada Senhor!!!!

sábado, 27 de abril de 2013

AS TRÊS ARVORES






Havia no alto de uma montanha, três pequenas árvores que sonhavam o que seriam no futuro depois de grandes. A primeira, olhando as estrelas disse: "Eu quero ser o baú mais precioso do mundo, cheio de tesouros. Para tal até me disponho a ser cortada." A Segunda olhou para o riacho e suspirou: "Eu quero ser um grande navio para transportar reis e rainhas." A terceira árvore olhou o vale e disse: "Quero ficar aqui no alto da montanha e crescer tanto que as pessoas, ao olharem para mim, levantem seus olhos e pensem em Deus.





Anos se passaram e certo dia vieram três lenhadores nada ecológicos e cortaram as três árvores, ansiosas em serem transformadas naquilo que sonhavam. Mas lenhadores não costumam ouvir e nem entender sonhos... que pena!






A primeira árvore acabou sendo transformado num coxo de animais, coberto de feno. A segunda árvore virou um simples e pequeno barco de pesca, carregando gente e peixes todos os dias. E a terceira árvore, cortada em grossas vigas foi colocada de lado num depósito. Todas as três perguntavam desiludidas e tristes: "Para que isto?"




Mas. Numa certa noite cheia de luz e estrelas, onde havia mil melodias no ar, uma jovem mulher colocou o seu bebê recém-nascido naquele coxo de animais. E, de repente, a primeira árvore percebeu que servia de manjedoura para o salvador do mundo.






A Segunda árvore, anos mais tarde, acabou transportando um homem que cansado dormiu no barco. Mas quando a tempestade quase afundou o pequeno barco, este homem levantou e disse: PAZ! E num relance, a Segunda árvore entendeu que estava carregando o rei do céu e da terra.






Tempos mais tarde, numa sexta-feira, a terceira árvore espantou-se quando sua vigas foram unidas em formas de cruz e um homem pregado nela. Sentiu-se crucificada pelo homem. Mas no Domingo seguinte o mundo vibrou de alegria e a terceira árvore, entendeu que nela havia sido pregado alguém para a salvação da humanidade, e que as pessoas sempre lembrariam de Deus e de seu filho Jesus Cristo ao olharem para ela.






As árvores haviam tido sonhos... Mas a sua realização fora mil vezes melhor e mais sábia do que haviam imaginado.

Versículo do Dia: Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais chegou ao entendimento humano, o que Deus tem preparado para aqueles que o amam. ( I Coríntios 2:7-9)

domingo, 15 de julho de 2012

LIVRO SEM PALAVRAS (plano de salvação )


Este livro tem páginas coloridas, e elas nos contam uma história maravilhosa. Quer ouví-la?
Geralmente, quando lemos um livro, começamos na frente, não é? Mas com este vamos começar com a última página, para saber logo o fim da história. Minha História termina maravilhosamente. Termina no Céu!




Esta página dourada nos fala do Céu. Não posso lhe dizer como é lindo o Céu, mas há um versículo da Palavra de Deus que nos dá uma idéia. É o Apocalipse 21:21 “E as doze portas eram doze pérolas...A praça da cidade é de ouro puro.”
Mais do que isso, o céu é um lugar de alegria. Ninguém fica doente no Céu. Não há dores, nem sofrimentos, nem tristezas. Melhor ainda, ninguém morre. “E Deus enxugará dos olhos as lágrimas e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor” (Ap 21:4)
Somente Deus poderia criar um lugar tão maravilhoso. Você já sabia que Deus o ama tanto que quer que você esteja no Céu com Ele para sempre?  Quando o Senhor Jesus voltou para o céu depois de morrer na cruz e ressuscitar dos mortos, Ele disse que ia preparar um lugar para nós. E Deus quer você lá com Ele para ser feliz eternamente.


Se a calçada na frente da sua casa fosse de ouro, quanto tempo ela ficaria ali?  Uma noite? “Oh”, você diz, “alguém a roubaria”. Mas não é pecado roubar? Claro que é. E lá no Céu... “Nela nunca jamais penetrará coisa alguma contaminada...e mentira” (Ap 21:27). Quer dizer que o pecado não poderá entrar no Céu para estragá-lo.
Pense, então: Deus quer que cada um de nós vá para o Céu, mas se há pecado em nossos corações, este nos impede de entrar no Céu.
A página preta representa o pecado em nossos corações, o pecado que nunca poderá entrar no Céu. A Palavra de Deus nos diz que “Todos pecaram” (Rm 3:23). Você também precisa dizer, “eu pequei”.
Mas, escute... Deus tem Boas Novas para você! Ele tem um remédio que faz possível nos livrar dos pecados! Nós não podemos fazer nada para limpar os nossos corações. Mas Deus pode e o fará...se crermos no Evangelho: “que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, e que foi sepultado, e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras” (1 Co 15:3-4).


Esta página vermelha representa o precioso sangue do Senhor Jesus Cristo. A Bíblia nos ensina que “o sangue de Jesus seu Filho nos purifica de todo pecado” (1 Jo 1:7). Não é maravilhoso saber que Deus não somente nos ama tanto que  nos quer no Céu, mas nos ama tanto que deu Seu único Filho para ser o nosso Salvador e para levar o castigo de nossos pecados? Quando o Senhor Jesus morreu na cruz, Deus pôs sobre Ele os nossos pecados. Assim que diz 2 Co 5:21 “Aquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que n'Ele fôssemos feitos justiça de Deus”.
Depois de morrer em nosso lugar, Jesus foi sepultado, e ao terceiro dia ressuscitou! Viveu novamente! Jesus está vivo! E porque Ele vive, Ele pode vir morar em nossos corações. Ele diz agora: “Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa” (Ap 3:20). Quando convidamos o Senhor Jesus a entrar em nossos corações e ficar para nos salvar do pecado, Ele entra e fica.


A página branca representa o coração limpo, que  Jesus já purificou. Sabe quão branco ele faz o coração que O recebe? Tão branquinho como a neve? Não! Mais branco do que a neve! A Bíblia diz, “Lava-me, e ficarei mais alvo que a neve” (Sl 51:7b).
Você não gostaria de ter o seu coração tão limpinho assim?  Deus quer perdoar os seus pecados e purificar o seu coração, e assim Ele fará no momento que você receber Jesus como seu Salvador. Jesus já morreu em seu lugar; ele quer ser o seu Salvador; quer lhe dar a vida eterna...vida eterna no Céu.
Jesus está batendo à porta do seu coração. Você precisa abrir a porta e deixá-lO entrar. Não quer fazer isso agora mesmo? Então, abaixe agora a sua cabeça e peça ao Senhor Jesus que entre em seu coração. Peça para Ele ser o seu Salvador.
A salvação é um presente. Como fazemos ao receber um presente? Agradecemos, não é? Então, diga “muito obrigado” agora mesmo a Deus, o Pai. Agradeça a Deus por ter enviado o Senhor Jesus para morrer em seu lugar. Agradeça que Ele agora o salvou e perdoou seus pecados. Agradeça que Ele lhe deu agora a vida eterna.


A página verde nos fala da nova vida que recebemos quando aceitamos o Senhor Jesus com Salvador.
Quais são as coisas verdes que existem na natureza? Sim, as ervas, as árvores,  o gramado e as plantas em geral. E todas são coisas que têmvida. Vamos ler mais um versículo da Bíblia. É João 3:36 “Quem crê no filho tem a vida eterna”. Você agora crê no Senhor Jesus como Salvador e Senhor da sua vida (dono)? Então, este versículo fala de você. Diz que você tem o quê? Exatamente, você tem a vida eterna - o tipo de vida que precisamos ter para poder entrar no Céu. Você não está contente de ter recebido Jesus como seu Salvador?
E, agora, esta nova vida precisa ser alimentada pela leitura da Palavra de Deus  (2 Pe 3:18), e pela oração. Assim você irá crescendo espiritualmente na vida cristã, agradando ao Senhor Jesus na sua vida diária e ganhando outros para Ele.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

O dia em Que Deus Mudou meu Cativeiro....

MARIANA A FLORZINHA.....




Mariana era uma flor bem pequena.
Vivia num imenso parque, rodeada de muitas coisas bonitas.
Visitantes vinham de longe para conhecer e apreciar aquele lindo lugar.
A cada manhã quando o sol surgia, e os portões do parque se abriam, Mariana banhava-se com as gotas de orvalho. Lavava seu rostinho, suas pétalas, e, colocava-se na posição mais elegante possível, esperava ansiosamente que muitas pessoas viessem admirá-la.




Mas... Que tristeza! Os pés dos visitantes passavam tão perto que quase a amassavam e, sem a notarem, dirigiam-se para o lindo e grande jardim que se encontrava logo atrás dela. Ah!... Se ela pudesse estar naquele lindo jardim, no meio daquelas grandes, coloridas e orgulhosas flores...

Lá sim, ela poderia aparecer. Mas será que apareceria mesmo? Aquelas flores eram muito maiores, muito mais bonitas do que ela! Bem, ao menos se ela estivesse lá, quem sabe por um descuido, alguém a notasse. Mas, não tinha jeito! Ela estava ali, longe do jardim, e ao que parece.
NADA havia nela que chamasse a atenção das pessoas.




Numa manhã, Mariana acordou com um grande desânimo. Chegou mesmo a desejar que um daqueles homens bem pesadões que visitavam o parque, a amassasse com uma grande pisadona.
Desta vez, quando as pessoas começaram a entrar pelo portão, ao invés de querer aparecer, Mariana queria se esconder. Esconder-se de todos. Ela sentia que não valia nada! Sentia-se muito feia. E via que nem merecia ser chamada de flor. Flores pra ela, eram aquelas do jardim! Aquelas sim eram admiradas por todos. Na verdade pra ela seria muito bom que nascesse muito mato ao seu redor. Assim, ela sumiria de uma vez!
Mariana estava tão presa aos seus pensamentos, que nem percebeu quando uma menininha se aproximou dela.


Depois de encostar seu narizinho na florzinha, a menina correu em direção aos seus pais gritando:
- Mamãe, Mamãe, achei! Aquele perfume gostoso que sentimos, vem daquela florzinha ali! Venha sentir Mamãe! De perto o perfume é ainda bem mais gostoso!
Mariana se alegrava. Estava agora até envergonhada e, procurou colocar-se da maneira mais elegante possível quando os pais da menina se aproximaram.
Que felicidade para Mariana! Agora se sentia finalmente realizada.




AMuitas outras pessoas atraídas pelos gritos da menina vinham também sentir o delicioso cheiro da florzinha.
Este era sem duvida o dia mais alegre na vida de Mariana. Esqueceu toda a tristeza que até a bem pouco tempo a abatia. E tudo, por causa do seu perfume, que foi percebido pela pequena visitante. Se fosse a sua beleza....Oh as flores do jardim eram muito mais bonitas do que ela! Mas o seu PERFUME superou a beleza de todas as outras ! A
palavra de Deus, diz que nós os salvos somos o "bom perfume de Cristo. Entenderam o que isto quer dizer....Quer dizer que cada um de nós, em nossas palavras, em nossas atitudes e em nossas ações, temos que mostrar que o Senhor Jesus vive em nós.
Você é tão pequeno diante de um mundo tão grande, não é mesmo? Talvez seja o único ou a única pessoa crente lá na sua casa, lá na escola e,... É tão difícil!!! Pode pensar talvez... Quem vai dar importância às minhas palavras, ao meu testemunho?
Lembre-se de Mariana. Apesar de tão pequenina, seu perfume atraiu a menininha, depois seus pais, e depois, um grande numero de pessoas.
Então, você quer ser realmente o bom perfume de Cristo? Assim, você será um meio para que outras crianças e adultos, quem sabe, seu papai ou mamãe, se interessem em receber a Cristo. Isto será sem duvida a maior alegria que você poderá experimentar.
Mas há ainda uma coisa importante que eu devo dizer.
Você só poderá ser o bom perfume de Cristo, se já O conheceu como seu Salvador pessoal.
Você já O convidou para vir morar no seu coração? Se não o fez ainda, saiba que Deus ama muito você. Tanto que, mandou se Único Filho, o Senhor Jesus, para morrer na cruz no seu lugar por causa do seu pecado (suas mentiras, sua desobediência, sua teimosia e tantas coisas que você tem feito de errado).
Ele derramou o Seu sangue e morreu por você naquela cruz. Mas depois de três dias ressuscitou e agora está no céu novamente preparando um lindo lugar para todos O receberem como seu Salvador.
Você quer fazer isto hoje mesmo? ...Beijos Amiguinhos e até a próxima Historinha com a Tia Kátia..!...


Histórinha: O paralitico


A Bíblia nos conta lá no Livro de Marcos no Capítulo 2, a história de 1 homem...


E aquele homem não podia andar suas perninhas não tinham firmezas... ele era paralítico...



Mas a Bíblia diz que em uma casa alí perto estava uma pessoa muito importante... vocês sabem quem é??? Jesus, o filho de Deus... que tem todo poder para fazer milagres...hááá mas como o paralítico podia ir até aquela casa se ele não podia andar????






Foi aí que 4 homens muito bons apareceram ...e decidiram ajudar o paralítico... será que vocês e seus amiguinhos tem ajudado as pessoas que precisam???? aqueles homens tiveram uma grande idéia...





Fizeram uma cama para deitar o paralítico e levá-lo até Jesus... que coisa boa quando alguém leva outra pessoa até a presença de Jesus!!!











Eles passaram por toda a multidão que estava perto da casa mas quando tentaram passar pela porta e pela janela eles não conseguiram... e agora será que eles desistiram????





Eles não desistiram e tiveram a idéia de descer aquele homem pelo telhado daquela casa... não foi uma idéia muito fácil de realizar, mas eles se esforçaram para ajudar ao paralítico... você tem se esforçado para ajudar os seus amigos??? ou você desiste logo de primeira??? Jesus quando viu aquele homem paralítico descendo ficou feliz de vê-lo e disse:-"Perdoados estão os seus pecados"... muitos perguntaram que poder Jesus tinha para lhe perdoar os pecados, então Jesus perguntou:- O que é mais facil? dizer a este homem perdoados estão os seus pecados? ou Levanta- te e anda?, e as pessoas ficaram sem saber o que responder ...então para mostrar que Jesus tem todo o Poder, ele disse ao paralítico:-"Levanta toma a tua cama e anda" e naquele momento aquele homem levantou e andou e mais uma vez o nome do Senhor Jesus foi Glorificado"... Jesus tem todo o Poder... nos Céus e na Terra...Lembre-se... quando vocês precisarem de ajuda... Chame por Ele... Deus te abençoe e até a próxima histórinha com a Tia Kátia!

terça-feira, 24 de agosto de 2010

AGRADECER

Agradecer
Lembremos sempre de agradecer por tudo, somos pessoas privilegiadas, moramos em lugares privilegiados, longe das intempéries do tempo, das catástrofes da natureza, estamos nos melhores lugares, na melhor região do país, longe da fome e da dor.
Após tudo o que estamos vendo no Haiti,Tragédias, Desastres, Ataques Terroristas, pessoas que para sobreviver comem barro... gente, pelo amor de Deus, reclamar do quê?




Embora eu aperte meus ouvidos e reclame quando o despertador soa, obrigado, Senhor pois eu posso ouvir. Há muitos que são surdos.
Embora eu mantenha meus olhos fechados contra a luz matutina, obrigado, Senhor pois eu posso ver. Muitos são cegos.
Embora me seja difícil levantar da cama de manhã, obrigado Senhor, pois eu tenho a força para me levantar. Há muitos que estão acamados.
Embora a primeira hora de meu dia seja sempre apressada, quando as meias estão perdidas, o café da manhã é queimado, a paciência é pequena e minhas crianças falam tão alto, obrigado, Senhor, pela minha família. Há muitos que estão sós.
Embora nossa mesa de café da manhã nunca se pareça com os anúncios em revistas e o cardápio está às vezes desequilibrado, obrigado, Senhor, pela comida que temos. Há muitos que têm fome.
Embora a rotina de meu trabalho seja freqüentemente acelerada e stressante, obrigado, Senhor, pela oportunidade de trabalhar. Há muitos que não têm nenhum trabalho.
Embora eu lamente a cada dia e deseje que minhas circunstâncias não sejam tão modestas, obrigado, Senhor, pela vida!
Todos os dias seja grato pelo que você é e pelo que você tem...
Não se esqueça nunca de agradecer, sempre!

segunda-feira, 21 de junho de 2010

OBRIGADA PELA VISITA

ESCOLA BÍBLICA DE FERIAS...NA COPA DO MUNDO

ESCOLA BIBLICA DE FERIAS COM TEMA DA COPA DO MUNDO ....






Haverá competições das melhores equipes de futebol do mundo no Brasil
Qual país será o campeão? Quem vai fazer mais gols?
A APEC lança o Projeto “BOLA NA ESCOLA”

Fazer gol é ganhar as crianças para Jesus!
A APEC aproveitará a época da Copa do Mundo de Futebol,
para contar às crianças como elas poderão fazer parte do TIME DE DEUS!
Fazer gol é ganhar as crianças para Jesus!

ESTRATÉGIA DO PROJETO
Realizar um Programa Especial com as crianças nas escolas, com a marca inconfundível da APEC, que incluirá:
• A memorização de um versículo bíblico.
• O aprendizado de um cântico.
• A apresentação de mensagem especial dando oportunidade para que as crianças:
a) Aprendam o conteúdo da mensagem do Evangelho.
b) Tenham a oportunidade de receber Cristo como seu Senhor e Salvador. 
Este programa poderá ser realizado de duas formas:
• De classe em classe, o que envolverá várias apresentações.
• Em um único local, com a ministração de uma só vez para todos.
Cada escola, após a apresentação do programa, receberá de presente uma bola de futebol de tamanho oficial.
A bola tem os seus gomos coloridos nas cores que são usadas pela APEC para a apresentação do plano de salvação através do Livro Sem Palavras.
Esses programas poderão ser adaptados para serem usados também em creches, comunidades de bairros, igrejas, etc.



ESPECIAL BIBLICA DE FÉRIAS

Há muitos anos as EBFs vêm sendo realizadas aqui no Brasil como Escola Bíblica de Férias. A idéia foi trazida dos Estados Unidos, pelos primeiros missionários. Os anos passaram, e a idéia continua sendo uma das melhores para alcançar as crianças. Se a idéia continua valendo, as crianças mudaram, bem como a metodologia de ensino e a tecnologia. Não podemos continuar seguindo os velhos modelos se não atraem mais as crianças, nem atendem suas necessidades. As crianças não querem saber de “escola” quando estão de férias. Por este motivo, o DIADI, Departamento Infantil da Assembléia de Deus de Imperatriz da ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL, Coordenado pelo Irmão Reynaldo e Laudecy A. Barreto (Coordenadores Gerais), resolve adotar um nome muito mais neutro e aceitável nos tempos modernos. Por este motivo, continuará sendo chamada de EBF, só que o significado muda para ESPECIAL BÍBLICO DE FÉRIAS.
O Especial Bíblica de Férias deve ser vista como um caminho que leva as crianças, incluindo os pais e parentes a conhecerem e aceitarem a Jesus Cristo como Salvador.
Através de uma linguagem apropriada, boas novas do Evangelho são apresentadas para o público crédulo, curioso, um público muito querido pelo Senhor Jesus, que nos ensina a amar, respeitar e procurar atender às necessidades de todas as pessoas, sem distinção.
No texto de Lucas 18.15-17 está registrada uma lição de amor, carinho e atenção que Jesus deu aos seus discípulos, quando tentaram impedir que as crianças se aproximassem do Mestre. A ordem de Jesus foi: “Deixai vir a mim os pequeninos...”
“ Certo dia li a história de um menino de três anos, que insistiu muito com sua mãe para deixa-lo a sós com sua irmãzinha recém nascida. Sem conhecer as suas intenções, a mãe não permitiu, porém ele insistiu até conseguir. A mãe se pôs de maneira a ouvir e ver o que aconteceria. Após ficar sozinho com irmã, ele se aproximou devagarinho do berço e com voz suave disse: “ Fale-me sobre Deus, acho que já estou começando a esquecer.”
Precisamos relembrar às crianças suas origens, elas devem saber que são criadas à imagem e semelhança de Deus.
Somente Jesus é o caminho que nos aproxima do Pai Criador. Ele é o único caminho que nos leva de volta para ó Deus Eterno (João 14.6) e por isso é imprescindível torná-lo conhecido também entre as crianças e juniores.
Que este material seja um auxilio para você, que é comprometido com Deus e quer fazer a sua parte para expandir o Reino, ensinando a todos que com Jesus Cristo temos paz e segurança para vivermos neste mundo, que mais parece um MAR BRAVIO, cheio de tempestades provocadas pelo pecado.




ESPECIAL BÍBLICO DE FÉRIAS – EBF/2007

Tema: “NAVEGANDO COM JESUS”
DIVISA: versículo base: João 6.21 “Então, eles, o receberam com prazer no BARCO e logo chegaram ao lugar para onde estavam indo”.

ORIENTAÇÃO

1. INTRODUÇÃO

Você está no lugar certo – o começo! Nesta seção da programação da nossa EBF (Especial Bíblico de Férias), vamos tentar dar uma orientação básica de como usar este material e os elementos necessários para o planejamento deste trabalho com as crianças.

Este material oferece um programa completo para a realização de um Especial Bíblico de Férias –EBF – com duração de três dias ( manhã, tarde ou noite) com duração de três horas. O tema de todas as atividades , “NAVEGANDO COM JESUS”, utiliza navio, água (mar, rio), barco, pescador (rede de pesca, peixes, baleia e outras paisagem, peixes, paisagem de acordo com o tema. A divisa, ou seja, o versículo base da nossa EBF (Especial Bíblico de Férias) esta em João 6.21 “Então, eles, o receberam com prazer no BARCO e logo chegaram ao lugar para onde estavam indo”.
Os programas são simples, porém completo acessíveis a qualquer igreja, especialmente àquelas que atingem um maior número de crianças durante a programação.
São dadas sugestões desde a ORNAMENTAÇÃO, PREPARAÇÃO, APRESENTAÇÃO DA HISTÓRIA ATÉ O ENCERRAMENTO; sugestões simples, práticas, elaboradas para facilitar a execução deste trabalho.
Lembre-se da importância de adaptar todas as sugestões para a realidade da sua igreja(congregação). O horário é uma sugestão! Pode ser que sua igreja prefira se reunir apenas duas horas por dia, ou por outro lado, pode resolver se reunir durante quatro horas. Faça as modificações necessárias, contando que seja feita a EBF(Especial Bíblico de Férias) da melhor forma possível.


2. OBJETIVOS:

Para obtermos bons resultados em todo e qualquer trabalho é necessário termos objetivos bem definidos.
Objetivo é o mesmo que alvo, meta; é estipular a linha de chegada, é definir o que se quer alcançar.
Os objetivos são importantes para informar claramente a intenção do trabalho.
Portanto, apresento três objetivos que este programa pretende alcançar:
1. Primordial á a Evangelização e o Crescimento espiritual de nossas crianças;
2. Informar que com Jesus estamos seguros e livres do pecado, que é como uma tempestade na vida de cada um de nós.
3. Convidar as crianças a tomarem a decisão de se tornarem amigos do Senhor Jesus, deixando Ele ser o piloto (comandante) do nosso Barco(nossa vida).

4. VANTAGENS DA EBF

J É ensino intensificado
J São novos alunos para a Escola Dominical
J É crescimento espiritual para os alunos da Escola Dominical
J É oportunidade de serviço para os membros da Igreja

5. DURAÇÃO

J Três horas por dia no máximo

6. LOCAL
6.1 Na Igreja
J A Igreja ajuda financeiramente
J A Igreja ajuda com o pessoal
J A Igreja ajuda com a divulgação
J É um meio de ligar a criança à Igreja

7. DIVULGAÇÃO
Despertando o interesse de toda a Igreja
J Reuniões de oração
J Anúncios nos boletins
J Cartazes

8. CONVITES
J Convidar de casa em casa
J Convidar nas escolas públicas
J Convites para as crianças
J Convites para os pais participarem da programação de encerramento

9. MATERIAL

J Histórias específicas para cada faixa etária
J Chapeuzinhos com as iniciais da EBF
J Prêmios
J Cânticos específicos

10. EQUIPES

J Professores de crianças, adolescentes e adultos da EBD
J Estudantes
J Senhoras
J Pessoas aposentadas

11. PROGRAMA DIÁRIO

J Entrada das crianças
J Hino Oficial
J Tema
J Leitura da Bíblia
J Oração
J Cânticos com gestos (visualizados, novos)
J Período missionário
J História Missionária (em capítulos)
J Oração por missionários
J Oferta missionária
J Visão missionária

12. MEMORIZAÇÃO DE VERSÍCULOS BÍBLICOS (Variando os métodos)

J Explique o versículo
J Aplique-o à vida dos alunos
J Distribua lembretes com versículos escritos

13. DIVISÃO EM CLASSE

J História Bíblica (apelo)
J Brincadeiras
J Louvor (corinhos)
J Trabalho manual
J Lanche na salinha
J Retorno à Igreja



14. ENCERRAMENTO DIÁRIO

J Cânticos
J Tema
J Avisos
J Concurso de presença e visitas
J Hino Oficial
J Saída em fila, por classes


15. PROGRAMA DO DIA DO ENCERRAMENTO

J Cânticos
J Palavra do Coordenador
J Tema do Especial Bíblico de Férias
J Divisa
J Apresentação das diversas classes
J Cânticos
J Entrega dos diplomas
J Entrega dos prêmios
J História bíblica com aplicação

AS ATIVIDADES NO ESPECIAL BÍBLICO DE FÉRIAS
NAVEGANDO COM JESUS
Modalidades a serem trabalhadas na EBF acontecerão em forma de rodízio, com a duração de 45 a 50 minutos cada. Todas as crianças deverão passar por cada modalidade, isto podendo ser durante cada dia (nos 3 dias) ou em um dia todo:
. Começando a viagem – Abertura com todas as crianças juntas, deve ser realizada no templo em todos os dias.
· Entrada com as Bandeiras;
· Apresentação do tema, divisa;
· Palavra de Boas-vidas – com a coordenador(a);
· “o que vamos fazer hoje?”
· Apresentação das equipes – por faixa etária;
· Oração;
· Cânticos – hino oficial e outros;
· Divisão das faixa etárias – por sala (em fila).
. Remando para o Mar - divisão das classe por modalidade ou idade
. Navegando em alto Mar – Sala de histórias. Todas as crianças aprenderão a mesma história e aprendem o mesmo versículo bíblico, com adaptações para cada faixa etária. Podendo haver uma pequena atividade de fixação, para cada grupo.
· Conversando sobre o tema da história - introdução;
· Ensinando a Divisão (versículo);
· Ensinando a História Bíblica – dica: Professor(a), deixe a sua Bíblia em um luar que as crianças vejam e antes de contar a história bíblica, diga-lhes que esta linda história está na palavra de Deus.
. Nadando em alto Mar – Sala de trabalhos manuais, em que as crianças desenvolvem projetos(atividades) relacionados com o tema.
. Levantando ancora – Sala de Atividades recreativas relacionadas com o tema.
. Cantarolando – Ensino de novas músicas e brincadeiras musicais.
. Serviço de Bordo – Horário do Lanche – podendo ser no final.
. Voltando par o Porto – Encerramento, deve ser realizado no tempo, com todas as crianças no final de cada dia.
· Cânticos – hino oficial e outros;
· Divisão das faixa etárias - por sala;
· Avisos e convite para o dia seguinte.
· Apresentações especiais – peças(dramatizações) ou com fantoches!!!!!

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Dia do Pastor

COMEMORADO AOS 16 DEJUNHO...João, apresenta-nos as características daquele que pode ser considerado como bom pastor:
É quem abre a porta: abrir a porta é sinal de liberdade, de saída, de viver a aventura.A voz é conhecida: a voz do pastor é inconfundível. O tom de voz, os pequenos “tiques”, entoações, fazem a diferença. Quando se ouve a voz, o coração já pula, como a querer sair do peito.Chama pelo nome: para o pastor, as ovelhas não são todas iguais. Ele dá um nome a cada uma e conhece-a. Porque lhe dedica tempo. Porque lhe presta atenção. Porque se preocupa com o bem estar físico e psíquico. Ele é mau em matemática. Não olha para o todo e não contas de uma forma anónima. Ele só sabe contar até um. Cada ovelha é única.Leva-as: o pastor não as manda, ou manda alguém com elas. É ele quem as acompanha. Quer que elas se sintam confiantes e seguras porque estão nas suas mãos.Todas: o pastor não se esquece de nenhuma. Em alturas de pessimismo, pode alguma ovelha pensar que está sozinha, que ninguém repara nela. O Bom pastor não esquece nenhuma, e está sempre presente.Caminha à frente: Não quer que nenhuma se perca, se magoe. Ele guia, orienta, prepara o caminho,porque as suas ovelhas merecem o melhor. Mas tenho certeza que este pastor também vem ao meio, estar com as ovelhas que estão nesse lugar. E também vem atrás, incentivar as mais atrasadas, as mais cansadas.
No fundo, ele quer que todos tenham vida. Mas não uma vida apenas vegetativa, ou puramente biológica. O bom pastor quer que tenhamos VIDA em abundância, em plenitude, com sentido, com objectivos. Uma vida sem objectivos não vale a pena ser vivida.Que sintamos a presença do Bom Pastor na nossa vida. Ele estará sempre connosco, até ao fim dos tempos. Ele gasta tempo com cada um de nós. Nunca nos chama chatos. Ama-nos e conhece-nos. E isso não nos deve meter medo. Quando alguém nos conhece, e nos deixamos conhecer por esse alguém, que não nos julga, não goza, mas respeita e compreende, não há nada de melhor, e que nos ajude a crescer.
Temos medo de nos darmos a conhecer. E isso só nos dificulta o caminho e nos faz prolongar o sofrimento. Todos precisamos de alguém em quem confiar, com quem desabafar, com quem partilhar dúvidas e interrogações. Esse alguém conhece-nos. Quase nem precisamos de falar. Sentimos-nos seguros, aconchegados, compreendidos. Temos a certeza que não somos uns anormais. Que o Bom Pastor nos ajude a descobrir esse alguém. E que descubramos n’Ele esse alguém.

terça-feira, 27 de abril de 2010

LEMBRANCINHA PARA O DIA DAS MÃES...em E.V.A.


















































COMO SURGIU O DIA DAS MÃES.....

A história da criação do Dia das Mães começa nos Estados Unidos, em maio de 1905, em uma pequena cidade do Estado da Virgínia Ocidental. Foi lá que a filha de pastores Anna Jarvis e algumas amigas começaram um movimento para instituir um dia em que todas as crianças se lembrassem e homenageassem suas mães.

A idéia era fortalecer os laços familiares e o respeito pelos pais. Para Anna, a data tinha um significado mais especial: homenagear a própria mãe, Ann Marie Reeves Jarvis, falecida naquele mesmo ano. Ann Marie tinha almejado um feriado especial para honrar as mães.
Durante três anos seguidos, Anna lutou para que fosse criado o Dia das Mães. A primeira celebração oficial aconteceu somente em 26 de abril de 1910, quando o governador de Virgínia Ocidental, William E. Glasscock, incorporou o Dia das Mães ao calendário de datas comemorativas daquele estado. Rapidamente, outros estados norte-americanos aderiram à comemoração. Em 1914, a celebração foi unificada nos Estados Unidos, sendo comemorado sempre no segundo domingo de maio. Em pouco tempo, mais de 40 países adotaram a data.
O primeiro Dia das Mães brasileiro foi promovido pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre, no dia 12 de maio de 1918. Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou o feriado.
Mas Anna não foi a primeira a sugerir a criação do Dia das Mães. Antes dela, em 1872, a escritora Julia Ward Howe chegou a organizar em Boston um encontro de mães dedicado à paz.


À Você Mulher
No dia em que Deus criou as mães (e já vinha virando dia e noite ha seis dias), um anjo apareceu-lhe e disse:
Por que esta criação está lhe deixando tão inquieto senhor?
E o Senhor Deus respondeu-lhe:
Você já leu as especificações desta encomenda?
Ela tem que ser totalmente lavável, mas não pode ser de plástico.
Deve ter 180 partes moveis e substituíveis, funcionar a base de café, e sobras de comida.
Ter um colo macio que sirva de travesseiro para as crianças.
Um beijo que tenha o dom de curar qualquer coisa, desde um ferimento até as dores de uma paixão, e ainda ter seis pares de mãos.
O anjo balançou lentamente a cabeça e disse-lhe:
Seis pares de mãos Senhor? Parece impossível ?
Mas o problema não é esse, falou o Senhor Deus e os três pares de olhos que essa criatura tem que ter?
O anjo, num sobressalto, perguntou-lhe:
E tem isso no modelo padrão?
O Senhor Deus assentiu:
Um par de olhos para ver através de portas fechadas, para quando se perguntar o que as crianças estão fazendo lá dentro (embora ela já saiba); outro par na parte posterior da cabeça, para ver o que não deveria, mas precisa saber, e naturalmente os olhos normais, capazes de consolar uma criança em prantos, dizendo-lhe: Eu te compreendo e te amo! sem dizer uma palavra.
E o anjo mais uma vez comenta-lhe:
Senhor...já é hora de dormir. Amanhã é outro dia.
Mas o Senhor Deus explicou-lhe:
Não posso, já esta quase pronta. Já tenho um modelo que se cura sozinho quando adoece, que consegue alimentar uma família de seis pessoas com meio quilo de carne moída e consegue convencer uma criança de 9 anos a tomar banho...
O anjo rodeou vagarosamente o modelo e falou:
É muito delicada, Senhor!...
Mas o Senhor Deus disse entusiasmado:
Mas é muito resistente! Você não imagina o que esta pessoa pode fazer ou suportar!
O anjo, analisando melhor a criação, observa:
Ha um vazamento ali Senhor...
Não é um simples vazamento, é uma lagrima! E esta serve para expressar alegrias, tristezas, dores, solidão, orgulho e outros sentimentos.
Vós sois um gênio, Senhor! disse o anjo entusiasmado com a criação.


***************************************

TIPOS DE MÃE

Versão para impressão

Esquete

Um desfile de vários tipos de mães, em cenas curtas, que, com as suas filhas, demonstram suas personalidades.

NARRADOR: As mães, em geral, recebem no seu dia, muitas homenagens, presentes e beijos dos filhos. Isso é bom e justo, mas não é tudo. Hoje, em nossa apresentação, queremos dar-lhes a oportunidade de meditar na grande responsabilidade que Deus colocou em seus ombros, de formar personalidades.
Assim, pois, Mãezinhas, façam uma honesta autocrítica, à medida que tentarão descobrir se pertencem a alguns dos tipos de mãe que serão apresentadas numa pequena representação.
Vamos conhecer, primeiramente, a “mãe possessiva”.
MÃE POSSESSIVA: (entra pisando forte, um tanto arrogante) Me chamam de mãe possessiva porque não dou muita liberdade aos meus filhos para escolherem as coisas. Eles são MEUS filhos, e só EU sei o que é melhor para eles.
KÁTIA: Mãe eu já vou para o aniversário da Aninha, ta bom? A senhora vai me dar dinheiro para comprar o presente dela,?
MÃE: (olha para sua filha da cabeça aos pés) Ah, Kátia! Com esse vestido, não! Vai vestir o azul e calce as sandálias brancas. EU sei muito bem o que você deve vestir. E quanto ao presente, EU vou à loja comprá-lo.
KÁTIA: Eu queria levar um perfume, mãe.
MÃE: Que perfume que nada! Você vai levar uma caneta. EU sei o que é melhor para a Aninha.
(Kátia sai decepcionada)
MÃE: EU não vou deixar MINHA filha fazer o que quer. EU sei o que é melhor para ela.
(Sai a mãe possessiva)
NARRADOR:Saibam vocês, mãezinhas, que estão nos ouvindo agora, que, passado alguns anos, Kátia, a filhinha da “mãe possessiva”, ficou uma jovem frustrada, insegura na vida, incapaz de tomar qualquer decisão ou iniciativa. Kátia gostou de um rapaz e casou. Depois de algum tempo começo a desarmonia no lar, pois o marido não suportou ter uma esposa que não sabia tomar decisões, não tinha fibra nem maturidade para dirigir o lar e educar os filhos, e terminou abandonando-a.
Aí vem a “mãe displicente”. O que nos dirá ela sobre a educação que dá aos seus filhos?
MÃE DISPLICENTE:(entra com ar indiferente e arrastando os pés) Dizem que sou a mãe displicente porque não ando atrás dos meus filhos reparando com quem brincam ou as roupas que usam, nem se vão à Igreja ou ficam na rua brincando. A Igreja tem o Pastor Josinei e as tias Luciana e Silvânia para ensiná-los.
CAROL:(entra com uma mochila de escola) Mãe, me ajude fazer o trabalho da escola. Preciso de cartolina, canetinha, régua, cola, tesoura...
MÃE: Fazer um cartaz, Carol? Eu nunca fiz um cartaz em minha vida! Pede uma colega ou sua professora te ajudar!
CAROL:Mãezinha, me ajude então a procurar os versículos da lição da Escola Dominical?
MÃE: (impaciente, levando as mãos à cabeça, interrompendo sua filha) Ih!... Carol! Isto é com tias Luciana e Silvânia, eu não tenho tempo pra isso!
(Carol sai choramingando)
MÃE: É isso mesmo! Podem me chamar de displicente que eu não ligo! (sacode os ombros) Eu não posso fazer tudo o que eles querem, mas garanto que amo muito os meus filhos!
(Sai a mãe displicente)
NARRADOR:Sabem, Mãezinhas, o que aconteceu com Carol, a linda filhinha da “mãe displicente”? Sentindo falta do companheirismo de sua mãe, que não conversava com ela, não se interessava pelos seus problemas de escola, nem com sua vidinha espiritual, Carol procurou lá fora amigos para lhe fazerem companhia. Essas amizades nem sempre foram edificantes e, um dia, encontrou um grupo de “hippies”! A “mãe displicente” está sofrendo porque perdeu a filha, e Carol está arriscando a perder a alma, ingressando numa vida de vícios.
O que nos contará agora a mãe serviçal?
MÃE SERVIÇAL: (entra usando um avental, onde enxuga suas mãos; fala lentamente e com a voz cansada) Me chamam de mãe serviçal, porque vivo pra servir meus filhos. Não quero que meus bichinhos façam nada em casa! Eles já estudam tanto, pobrezinhos!
LENINHA: (entra arrogante e gritando) Ei, mãe, a senhora não passou a minha blusa vermelha! Eu não disse que queria ela pra hoje?
MÃE: Desculpe, Leninha! Hoje eu estava tão cansada que...
LENINHA: (interrompe rapidamente) Ah, mãe! Isso não é desculpa! A senhora teve tempo para fazer as unhas...
(Leninha sai batendo os pés toda nervosa)
MÃE: Desculpe minha filha, vou passar agora! Ah, eu não tenho tempo para vaidades... tenho que cuidar dos meus filhos!
(Sai a mãe serviçal limpando as mãos no avental)
NARRADOR:E Leninha, a filha da “mãe serviçal”? O que aconteceu com ela? Querem saber, Mãezinhas? Ela ficou cada vez mais autoritária e mandona, exigindo tudo de sua mãe. Leninha não lhe tinha qualquer consideração, antes a tratava como uma simples empregada. Mais tarde, casou e, agora, quer dominar o marido e submetê-lo aos seus caprichos. Ele nãos e sujeita e, por isso, vivem brigando diante dos filhos. O lar deles está em crise, em vias de desmanchar-se.
Está chegando a “mãe complacente”. Vamos ouvi-la.
MÃE COMPLACENTE: (entra sem pressa, sorridente, com ar de que acha tudo bom) Me chamam de mãe complacente porque sempre perdoo as falhas dos meus filhos. Não os castigo, nunca os repreendo e jamais digo “não”. As vezes as tias Luciana e Silvânia dizem que meus filhos são cheios de vontade e que nunca obedecem. Ah, elas não entendem a educação que dou para meus filhos.
FLAVINHA: Mãe, eu joguei a dentadura da empregada no lixo e ela ficou furiosa!
MÃE: (dá uma risadinha) Não tem nada, não, Flavinha. Eu dou outra pra ela!
FLAVINHA: Eu também desmanchei seu relógio. Queria saber como era lá dentro.
MÃE: Tá bom, Flavinha. Não se preocupe, o papai compra outro!
(Flavinha sai pulando de alegria)
MÃE: Que gracinha! Como ela é inteligente!
(Sai a mãe complacente)
NARRADOR:Que coisas tão tristes aconteceram com Flavinha! A menina que a “mãe complacente” nunca repreendeu, nem encaminhou nos caminhos do Senhor, tornou-se uma jovem indisciplinada, anarquista, que não respeita o direito dos outros, nem sabe o que é lei e ordem. Impulsiva, ela faz o que bem quer, sem pesar consequências. Por causa dos seus atos desordeiros, já andou até envolvida com a polícia. Flavinha é grande amargura para o coração de sua mãe.
Escutem, agora, Mãezinhas, o que vai dizer a “mãe sensata”. Ela está chegando.
MÃE SENSATA: (entra com ar tranquilo e feliz) Me chamam de mãe sensata porque procuro educar meus filhos segundo os ensinamentos da Bíblia. Lemos a Bíblia, oramos e vamos a Igreja sempre juntos. Também exijo que façam as algumas tarefas em casa. Repreendo quando estão errados e os ajudo a fazer boas escolhas.
LUANA: Mãezinha, já fiz a lição de casa, posso brincar?
MÃE: Pode sim, filha!
(Luana dá um abraço e um beijo na mãe e as duas saem abraçadas)
NARRADOR:“A mulher que teme ao Senhor essa será louvada”.
“Levantam-se os seus filhos e a chamam bem-aventurada”.


Pedidos de oração

Pedimos que vocês orem pelo nosso Depto. Infantil da Assembléia de Deus -Min. do Belém , orem pelo nosso ministério de Louvor e de Evangelização através de Histórias Biblicas com Fantoches, Flanelógrafo, Retro-Projetor, Slides, enfim todas as armaduras com as quais o Senhor Jesus tem nos Vestido e Revestido para Levar o Evangelho às nossas crianças. Orem pela Nossa Igreja pelo Nosso Pastor pelos obreiros em geral. Orem para que realmente sejamos COMO UMA LUZ QUE BRILHA NA ESCURIDÃO, ILUMINANDO TODO O LUGAR POR ONDE PASSA.

E ENTÃO...GOSTOU DO MEU CANTINHO ??

E ENTÃO...GOSTOU DO MEU CANTINHO ??